Cárie dental: 10 curiosidades que você precisa saber sobre a doença bucal

Cárie dental: 10 curiosidades que você precisa saber sobre a doença bucal

10 curiosidades sobre a cárie dental que vão te deixar com a boca aberta.

Uma das doenças mais comuns entre os brasileiros, e uma das mais temidas.  Sim!  Estamos falando sobre a cárie dental.

Popularmente conhecida como “dente podre”, a cárie dental nada mais é do que a infecção dos dentes, que é provocada por bactérias que estão presentes na formação das placas duras que já estão em um nível de difícil remoção.

Quanto mais tempo essas placas ficam em nossos dentes, maior as chances de se ter cárie dental. As bactérias que estão ali presentes perfuram aos poucos o esmalte podendo atingir as partes nervosas dos dentes, causando muita dor.

É importante lembrar que, fazer a higienização diária e ir regularmente ao dentista para uma limpeza profissional é de extrema importância para se evitar o surgimento da cárie dental.

Principalmente se você começou ou vai iniciar um tratamento ortodôntico. Geralmente os aparelhos ortodônticos, tem muita facilidade em acumular restos de alimentos, dificultando também a limpeza e facilitando o aparecimento da cárie dental.

Por isso fique atento no uso do kit ortodôntico para manter seus dentes limpos. Será um item essencial para que a cárie fique bem longe dos seus dentes.

Conheça 10 curiosidades sobre a cárie que você precisa saber.

Leia também nosso artigo sobre: Piercing na língua: conheça 5 riscos para a sua saúde bucal

 

 

#Curiosidade 1 – Uma mancha branca não é nada demais (só que não)

mancha

Muito se engana quem acha que a cárie dental já aparece nos dentes como aquele pontinho preto que todos conhecemos.

Na verdade a cárie possui estágios, e ao contrário do que todos pensam, em seu estágio inicial a cárie aparece como uma manchinha branca.

Tá, mas como vou saber se essa manchinha é mesmo uma cárie dental? Convenhamos que, ter manchas ou qualquer mudança na coloração dos dentes já é um sinal que tem coisa errada aí, né?

Pois então, visitar o seu dentista de forma regular, ajuda para que caso você tenha a cárie dental em seu estágio inicial, ela seja detectada pelo seu dentista e assim ele poderá interromper o seu avanço.

 

 

 #Curiosidade 2 – Alerta vermelho se a dor apareceu.

dor de dente
A cárie dental pode levar semanas e até alguns meses para evoluir, durante esse tempo a mancha esbranquiçada vai se transformando em um um pontinho preto que vai ganhando tamanho e força a cada dia.

É quase imperceptível identificar a presença da cárie em alguns casos, pois geralmente a cárie aparece em locais mais escondidos e de difícil visualização.

E então um belo dia a dor começa, e aparece em situações variadas como quando você toma o seu sorvete favorito ou toma um copo d’água gelado e sente uma dor muito aguda.

Ou quando você está de bobeira, bem relax, e do nada a dor latejante começa e parece que nunca vai ter fim.

Em qualquer situação, se a dor apareceu é porque as coisas não andam nada bem na sua boca. Quando a cárie dental está no auge da sua evolução as dores ficam cada vez mais insuportáveis.

Isso porque a medida em que ela avança perfurando os seus dentes, em um dado momento ela atinge a polpa do dente, ou seja, a parte mais nervosa e sensível dos dentes.

Mas não se desespere. O negócio é não esperar sentir dor para ir ao dentista, as dores podem ser evitadas se a sua visita ao seu dentista for regular e a cárie dental for tratada em seu estágio inicial.

Não deixe de ler: Dia Nacional da Saúde Bucal: como anda a saúde da sua boca?

 

 

 #Curiosidade 3 – O fio dental é o seu melhor amigo

fio dental

Ter uma boa escovação é indispensável para se evitar placas, tártaro, e claro, a cárie dental. Mas, sabia que além da escova de dentes, somente o fio dental pode te ajudar a prevenir a doença?

A chamada cárie-interproximal é um tipo de cárie dental que pode surgir entre os dentes.  Isso mesmo! Pode parecer estranho, mas é muito possível de acontecer e muito comum também.

Por se formar na parede em meio os dentes, o melhor jeito de prevenir essa doença é usar o fio dental diariamente após qualquer refeição.

Para os que vão começar ou já começaram o tratamento ortodôntico, o passa fio é um item primordial para o sucesso do seu tratamento e na prevenção da cárie-interproximal.

 

#Curiosidade 4 – Bactérias noturnas

bactérias noturnas
Sua mãe sempre esteve certa quando falava com você para escovar os dentes antes de dormir. (mãe sendo mãe né).

Estamos bem grandinhos para enfrentar o dia-a-dia, pagar contas, estudar, etc. Ao mesmo tempo em que temos o controle de tudo, a saúde da nossa boca também depende de nós e não da mamãe ficar avisando e lembrando que devemos escovar os dentes.

Contudo o dever nos chama, e mesmo que no fim do dia estejamos mega cansados, não há desculpas para ir dormir sem escovar os dentes.

A boca é um lugar úmido e quente, lar perfeito para todo tipo de bactéria. Sabia que a noite quando estamos dormindo e não existe movimentação de fala, ou algo do tipo, é a hora em que as bactérias ficam mais ativas?

E para evitar a baladinha das bactérias na sua boca toda noite, a solução é escovar os dentes, usar um fio dental e um enxaguante bucal quando possível.

Já viu? Quais são os alimentos que fazem mal para os dentes e gengivas?

 

 

#Curiosidade 5 – Flúor é tudo!

flúor

Sabia que no Brasil, a água já é tratada com a quantidade certa de flúor? E sabia também que o flúor é um dos muitos aliados contra a cárie dental?

Apesar da água tratada aqui o Brasil ter a quantidade ideal de flúor, isso não é o bastante para combater a doença.

O flúor ajuda no fortalecimento dos dentes de forma geral, principalmente no esmalte que pode sofrer a desmineralização, ou seja, a perda dos minerais existentes.

Alimentos ricos em acidez como, vinhos, vinagre, refrigerantes e sucos com frutas cítricas são os maiores causadores da desmineralização dos dentes. Seu dentista pode vir a indicar produtos a base de flúor para usar em casa se achar necessário.

 

 

#Curiosidade 6 – A “casa” das bactérias

bactérias

Já falamos que higiene oral é essencial para a saúde da sua boca né? Se você tá enjoado de escutar isso, temos uma notícia: Você vai ouvir muito mais!

O assunto é realmente importante e queremos que seu sorriso seja sempre saudável. Prontos para mais? Então vamos lá.

O cálculo dentário mais conhecido como tártaro é uma placa bacteriana que se formou com o acúmulo de restos de alimentos que ficaram tempo demais em contato com os dentes.

O tártaro contribui diretamente para o mau hálito e o aparecimento da cárie dental, além de ser esteticamente nojento. Por isso manter a sua boca muito bem higienizada é de extrema importância.

 

#Curiosidade 7 – Gengivas à mostra, cárie na certa.

gengivas

Calma lá que não estamos falando de uma situação em que você sorri e a sua gengiva fica exposta não. Pode rir a vontade! Existe a chamada retração gengival ou recessão gengival. Você sabe o que é?

Quando existe uma diminuição da quantidade de gengiva, quando a parte que antes cobria seus dentes, faz com que eles aparentem ser mais longos e expostos, é chamado de retração gengival.

A retração gengival pode acontecer em apenas um dente ou em vários ao mesmo tempo, dependendo da situação da sua boca em relação a higiene.

Saiba mais sobre: Bruxismo dental: saiba o que é, quais os sintomas e como tratar

 

 

#Curiosidade 8 – Cárie pode ser fatal, e não estamos falando só da perda dos seus dentes…

doença bucal

A nossa boca é o abrigo de muitas, mas muitas bactérias, das mais inofensivas as mais nocivas, todas elas fazem parte de um mesmo “lar”.

Porém, algumas se desenvolvem em meio a tudo isso, principalmente quando a higiene não está em dia.  Fazer o que se algumas bactérias gostam de uma sujeirinha, né?

Mas não é porque elas gostam que você vai fazer a vontade delas não é mesmo?

Quando a cárie dental se instala nos seus dentes e perfuram eles a ponto de deixar buracos, as chances de alguma bactéria cair na sua corrente sanguínea é grande, além de causar a perda total do dente.

Algumas bactérias quando entram na sua corrente sanguínea, podem afetar e muito a sua saúde no geral, como as bactérias Streptococcus gordonii.

Esse tipo de bactéria estimula a produção de coágulos, principalmente nas válvulas do coração, podendo causar insuficiência cardíaca aguda e grave, podendo levar a óbito.

Higiene bucal não é brincadeira.

 

#Curiosidade 9 – Cárie Recorrente

cárie

Aposto que você não sabia que existiam vários tipos de cáries, bom, quer saber, vamos te apresentar mais uma, a cárie recorrente.

Em nossos dentes, principalmente na superfície de mastigação como nos dentes molares e pré-molares, existem sulcos que servem para ajudar na mastigação e na passagem de saliva entre os dentes.

Dentre todas as funcionalidades destes sulcos estão também o acúmulo de alimentos. Por isso para uma higienização completa, é bom fazer uma excelente escovação e visitar o seu dentista regularmente para uma limpeza profissional.

 

#Curiosidade 10 – Boca seca causa cárie

boca ressecada

Ao longo deste artigo falamos sobre algumas curiosidades, e algumas das causas da cárie dental. Já estamos na reta final, e se você chegou até aqui, suas chances de se conscientizar e ter uma boca mais saudável são gigantes.

A xerostomia, assim como uma má alimentação e a falta de higiene, também pode fazer com que a cárie dental se aloje em seus dentes.

Com o uso de alguns medicamentos a nossa boca pode vir a ficar mais seca, com isso a saliva que antes auxiliava na limpeza da boca, fica ausente.

Descubra 7 curiosidades que você precisa saber sobre a ortodontia

O resultado disso? As chances dos seus dentes ficarem mais vulneráveis além de propiciar a proliferação dos microrganismos já presentes na cavidade oral, são maiores.

Caso esteja em algum tratamento e caso perceba que a sua boca está mais seca, além de tomar isotônicos e muita água, visite o seu dentista.

E então, gostou das nossas curiosidades sobre a cárie dental? Não deixe de procurar a clínica mais próxima e coloque a saúde da sua boca em dia.

assinatura Dr. Sorriso

Posts Relacionados

Quais as principais características da síndrome cl... Uma doença rara, pouco conhecida e com uma nome complicado, a síndrome cleidocraniana ganhou destaque após a explosão mundial da série Strange Things,...
Qual tipo de restauração dental mais se encaixa no... Neste artigo vamos explicar os tipos de restauração dental e suas características em detalhes. Mas é importante saber que para responder a esta pergun...
Saúde bucal: quais os melhores tratamentos para o ... O mau hálito é um problema que afeta mais pessoas do que você pode imaginar. Segundo estudo da Associação Brasileira de Halitose, quatro em cada 10 br...
Volta às aulas: como fazer um kit de higiene bucal... Saiba por que montar um kit de higiene bucal para seu filho é importante neste volta às aulas. Clima de férias no ar, mas a cabeça de você mamãe e ...

Deixe uma resposta